ex-fumante é como ex-bandido, sempre há risco. é alma que só a poesia salva.

2 comentários:

Vício disse...

é por isso que eu ainda fumo...

Sentir disse...

há vícios e vícios,
não é verdade. ;)